sábado, 8 de agosto de 2015

Presidenta Dilma decide reconduzir Janot ao cargo de Procurador-Geral da República

Sábado, 8 de agosto de 2015 às 13:22
A presidenta Dilma Rousseff decidiu, neste sábado (8), reconduzir o atual Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, para mais um mandato de dois anos à frente do Ministério Público Federal (MPF).

Janot foi o nome mais votado em eleição realizada entre os membros do MPF que resultou em uma lista tríplice encaminhada à presidenta.

Em nota, a Secretaria de Imprensa da Presidência da República destacou a autonomia constitucional garantida à instituição.


A Presidenta da República, Dilma Rousseff, decidiu reconduzir ao cargo de Procurador-Geral da República o dr. Rodrigo Janot. A decisão foi informada ao próprio Procurador-Geral na manhã deste sábado (8), em reunião oficial no Palácio do Alvorada, realizada com a presença do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.


A escolha da presidenta Dilma Rousseff acolhe, novamente, posicionamento da maioria dos membros do Ministério Público Federal, assegurando assim, de fato, a autonomia estabelecida na Constituição de 1988 a esta importante instituição da República.